Você está aqui
Home > Ciclismo > ANA LUISA SIQUEIRA ATLETA TSW BIKE RACING TEAM 2018

ANA LUISA SIQUEIRA ATLETA TSW BIKE RACING TEAM 2018

Nós estivemos presentes no super evento Epic Mountain em Espera Feliz-MG, onde entrevistamos a atleta que faz parte da equipe TSW aqui de nossa região, Ana Luíza.

Confira um pouquinho de nosso bate papo.

Revista Bike & Vida
Conta pra gente como começou essa trajetória?

Então, eu sempre pratiquei esportes sendo academia e Jiu-Jitsu, desde muito nova, aí eu comecei a namorar um competidor de bike, mas amador e sempre tive a influencia do meu tio Marcelo de Bom Jesus do Itabapoana, ele tem loja e pedala há mais de vinte anos. Aí os dois começaram a falar que eu tinha força e que poderia pedalar também, nisso meu tio me deu uma bicicleta de alumínio pesada de aproximadamente 14kg de kit muito fraco e eu só pedalava aos finais de semana, nisso teve o 3ºEpic Mountain (Desafio da Montanha), e o primeiro que eu participei em 2017, participei e cheguei em primeiro lugar com o tempo quase igual ao masculino.
Depois dessa competição, abriu minha cabeça para as possibilidades do que poderia acontecer com aquilo e logo em seguida me federei no estado do Espírito Santo e comecei a seguir o calendário de provas federadas e algumas nacionais também.

Revista Bike & Vida
Qual foi a primeira prova que você participou pelo estado?

Foi na cidade de Santa Tereza e eu cheguei em 5ºLugar, tive alguns problemas técnicos, parei arrumei, depois fui recuperando e cheguei em quinto na elite feminina.

Revista Bike & Vida
Você achou que já teria condições de se federar na elite feminina?

Sim, não quis enganar não, fui logo me federando na elite onde é mais concorrido, super disputado e sabia que teria condições de brigar por igualdade de condições.
Primeiro em 5º, na segunda em 3º e na terceira competição eu fui campeão de XCO com uma bike de 14kg competindo com as mulheres que já treinavam há cinco anos e que tinham bikes de 10, 11kg.

Revista Bike & Vida
E após essas competições o que mudou?

Após esses resultados, despertou olhares e logo após eu ser campeã estadual, uma loja da cidade de Guaçuí-ES, me patrocinou, trocou minha bicicleta, me dando uma de carbono da Audax e assim começou. Logo depois eu fui Vice-Campeã Brasileira de XCO, me tornei campeã de maratona do estado do Espírito Santo e do Rio de Janeiro.
Peguei gosto pelo esporte, ganhei pódio em São Paulo e foi surgindo às oportunidades.

Revista Bike & Vida
Como a TSW chegou à sua vida?

Em novembro de 2017 recebi o convite da equipe TSW, nesse meio tempo troquei minha federação para o estado de Minas Gerais para que pudesse ter um apoio melhor e assim foi, está dando tudo certo. É claro que desafios surgirão sempre, mas estamos aqui para ultrapassá-los e conquistar muitas competições.

Reportagem – Diego Varsi

Artigos semelhantes

Deixe uma resposta

Topo