Você está aqui
Home > Dicas B&V > Dicas de Saúde > Andar de bicicleta emagrece e faz bem à saúde

Andar de bicicleta emagrece e faz bem à saúde

Você sabia?

Cada vez mais brasileiros têm deixado o carro na garagem para usar um meio de locomoção mais benéfico: a bicicleta. Eleita pela ONU o transporte ecologicamente mais sustentável do planeta, a magrela tem a vantagem de não consumir combustível, o que a torna uma alternativa imensamente mais barata. Porém, o principal apelo deste meio de transporte é a qualidade de vida que ele oferece ao seu usuário. Além de evitar o trânsito – e, consequentemente, diminuir o estresse –, ir de bike ao trabalho, escola e etc. permite que o ciclista incorpore a pedalada em sua rotina diária, não precisando gastar tempo e dinheiro na academia para obter os inúmeros benefícios que esta atividade proporciona.

Benefícios de andar de bicicleta

“O ciclista exerce uma força sobre os pedais que auxilia no fortalecimento de grandes grupos musculares, como pernas, coxas e abdominais”, explica um profissional de fisioterapia.
Ainda segundo ela, “Também melhora a frequência cardíaca, acelera o metabolismo, auxilia na redução do colesterol e na perda de peso”, completa.
Pessoas com problemas articulares, que geralmente são proibidas de realizar inúmeras atividades físicas, podem praticar a pedalada sem medo, pois ela não exerce impacto sobre as articulações, músculos e tendões. Use a bicicleta para fazer tarefas do dia a dia, como ir ao mercado.

Cuidados

Antes de começar a andar de bike, é importante consultar um médico para que ele avalie seu condicionamento e resistência física. Outra medida indispensável é adquirir os acessórios de proteção necessários, como capacete, cotoveleiras, joelheiras, luvas de ciclismo, entre outros. “As luvas são as mesmas utilizadas para praticar musculação. Elas possuem a palma antiderrapante e abertura na parte superior, facilitando a transpiração causada pelo longo contato com o guidão”, explica à profissional.

Outros cuidados para quem pedala na rua são

  • Nunca pedale em jejum. “É importante fazer uma refeição leve antes da atividade”, orienta Tânia.
  • Carregue sempre uma garrafa com água ou isotônicos para manter a hidratação do corpo.
  • Utilize roupas chamativas para evitar colisões com automóveis. “O uso de capacetes e óculos também é recomendado”, diz a fisioterapeuta.
  • Nunca pedale na contramão. Ande sempre à direita ou, quando houver, na ciclofaixa.
  • Evite usar fones de ouvido para ouvir música. É preciso ter atenção ao trânsito.

Texto: Marianna Feiteiro

Foto: Revista Bike & Vida

Artigos semelhantes

Deixe uma resposta

Topo